Sem categoria

Novo website bodyscience.pt

As Clínicas BodyScience continuam a evoluir! No mundo digital não podemos parar! E por isso, decidimos reformular o nosso website de forma a responder melhor às suas dúvidas e pesquisas. O novo site tem como objectivo transmitir os nossos valores e foco na tecnologia, ciência e na implementação de um estilo de vida saudável, focado no bem-estar, onde nós pretendemos ajudá-la a atingir os seus objectivos de forma segura e não invasiva. Veja todos os nossos tratamentos de corpo e rosto, para mulheres e homens, de uma forma prática e rápida, e encontre a solução que procura para se sentir melhor! Tenha também acesso aos nosso testemunhos reais e a todas as nossas parcerias e protocolos. Comece já hoje a tirar partido da beleza de um corpo saudável! Ficamos à sua espera em bodyscience.pt Clínicas BodyScience

Continuar a ler

Clínicas BodyScience – Consulta de Avaliação Gratuita

As Clínicas BodyScience são reconhecidas como uma referência na área da beleza, saúde e bem-estar. Dispomos, em todas as clínicas, das tecnologias mais inovadoras, eficazes e seguras apoiadas por uma equipa de profissionais de excelência para que conquiste o corpo que deseja de forma rápida e com resultados. Tudo isto acontece num ambiente tranquilo e relaxado para que cuidar de si seja um momento de puro prazer. Quando marca a sua consulta de avaliação gratuita na BodyScience está a dar o primeiro passo para mudar a sua vida, veja abaixo tudo o que está incluído na consulta de avaliação: Análise perfil clínico e hábitos alimentares com uma das nossas especialistas Diagnóstico do seu problema Criação de um plano ajustado a si e às suas necessidades Cuide da si sem dietas radicais ou milagrosas. Já são mais de 30 000 pessoas a confiarem nas Clínicas BodyScience, porque a nossa prioridade é a satisfação total dos nossos clientes. Seja mais um cliente satisfeito!

Continuar a ler

Heitor Lourenço escolheu as Clínicas BodyScience

Manter um corpo cuidado e saudável foi um fator determinante para Heitor Lourenço escolher as Clínicas BodyScience. Saiba mais sobre a BodyScience A BodyScience é uma clínica de medicina estética não invasiva, que promove o bem-estar físico e mental. Somos apologistas de um modo de vida saudável, feliz e produtivo. Caso esteja interessado em saber mais sobre os nossos tratamentos de rosto e corpo, agende a sua consulta de avaliação gratuita. Fique a par das novidades através da nossa página de Facebook ou subscreva a nossa newsletter.

Continuar a ler

A atriz Sílvia Rizzo escolheu as Clínicas BodyScience

Manter um corpo cuidado e saudável foi um fator determinante para Sílvia Rizzo escolher as Clínicas BodyScience. A atriz, revelou que no momento em que descobriu as Clínicas BodyScience teve curiosidade em experimentar e ficou rendida aos resultados "ter uma máquina que nos ajuda a tirar todas as gordurinhas que temos acumuladas, o que é que uma pessoa pode esperar mais se não fazer umas sessões e sair impecável. Estou muito contente." Sílvia Rizzo, referiu-se também à forma como foi bem recebida «são realmente excelentes profissionais, muito atenciosas o que é sempre importante, foi definitivamente uma boa escolha», concluiu. Faça como a atriz Sílvia Rizzo e comece já a cuidar de si, marque uma Consulta de Avaliação Gratuita e sem qualquer compromisso. Transcrição do vídeo Olá o meu nome é Sílvia Rizzo e sou atriz e entretanto descobri estas clínicas, BodyScience. E o que é que eu pensei deixa-me lá experimentar aquelas máquinas até porque eu não vou ao ginásio, não é que não deve-se ir mas não tenho muito tempo, e uma máquina que ajuda a tirar estas gordurinhas todas que a pessoa tem aqui acumuladas ao fim de algum tempo. Então aquela máquina...

Continuar a ler

Brincadeiras na água: 8 dicas para prevenir acidentes

O calor e o bom tempo convidam a um mergulho e miúdos e graúdos mal podem esperar pela oportunidade! Para além de permitir passar bons momentos a água é um pólo de grande atração em todas as idades e talvez por isso os afogamentos são a 2ª causa de morte acidental. Perto de água não facilite e tenha em conta o seguinte: 1. Verifique - perto dos locais onde as crianças brincam e onde vão passar os seus tempos livres ou as férias - se existem piscinas, tanques ou poços. Estes devem estar devidamente protegidos com vedações ou tampas resistentes (no caso do poços). 2. Se utilizar piscinas insufláveis despeje-as logo após a sua utilização e vire-as para baixo. Se isto não for possível, por serem grandes demais, vede-as como as restantes. Uma criança pequena afoga-se em menos de um palmo de água. 3. Nas brincadeiras na água ou perto de locais com água as crianças mais pequenas devem ter sempre uma supervisão próxima e ativa de um adulto. As que não sabem andar bem devem usar braçadeiras. 4. Os brinquedos flutuantes – como colchões ou boias – não devem ser deixados na piscina pois chamam a atenção das crianças. Para além disso, a...

Continuar a ler

Na Europa, a obesidade pode fazer cair a esperança de vida

De acordo com um relatório da Organização Mundial de Saúde (OMS), a obesidade pode provocar uma queda na esperança de vida na Europa.  Um relatório da OMS publicado ontem conclui que o gradual aumento da esperança de vida pode ser travado, na Europa, em virtude de problemas como a obesidade e, por outro lado, o elevado consumo de bebidas alcoólicas e de tabaco. Não obstante esse consumo estar em quebra, ainda se verifica, na Europa, um número alto de fumadores e de consumidores de bebidas alcoólicas, em quantidade suficiente para suscitar preocupações. Mas a OMS destaca sobretudo os índices crescentes de obesidade, o que terá implicações na esperança de vida. “As taxas de tabagismo estão a cair, mas a obesidade está aumentar e um não compensa o outro. O que não queremos ver é que estamos a ganhar a guerra contra álcool e tabaco, mas a perder a batalha contra a obesidade”, realça Claudia Stein, diretora da OMS para a Europa, citada pelo site Terra. O relatório aponta alguns dados positivos. Desde logo o facto de a Europa estar bem encaminhada, no sentido de cumprir as metas definidas para a redução de mortalidade prematura, até ao ano 2020. Porém, a...

Continuar a ler

Jantares em família podem reduzir efeitos de cyberbullying

Jantares em família podem ajudar a proteger os adolescentes das consequências nefastas do cyberbullying e serem também benéficos para a sua saúde mental, sugere um estudo publicado no “JAMA Pediatrics”. Aproximadamente um em cada cinco adolescentes já foi vítima de cyberbullying, que tal como o bullying pode aumentar o risco de desenvolvimento de problemas mentais em adolescentes, assim como a utilização indevida de álcool e drogas. Neste estudo, os investigadores da Universidade de McGill, Canadá, decidiram determinar se a frequência das refeições em família influenciava os efeitos do cyberbullying na saúde mental dos adolescentes. O estudo incluiu a participação de 18.834 estudantes com idades compreendidas entre os 12 e os 18 anos. Foram medidos cinco problemas de interiorização: ansiedade, depressão, automutilação, ideação suicida, e tentativa de suicídio; dois problemas de externalização: lutas e vandalismo, e quatro problemas de consumo de substâncias: consumo frequente de álcool, consumo excessivo de álcool, uso indevido de medicamentos e consumo de drogas de venda livre. Foram também recolhidas informações sobre a regularidade dos jantares em família. O estudo apurou que cerca de 19% dos estudantes tinha sofrido de cyberbullying nos últimos 12 meses e que este tipo de agressão estava associado aos 11 problemas analisados. Contudo, verificou-se que os...

Continuar a ler

Óleo de peixe interfere no metabolismo da gordura e ajuda a perder peso

Um artigo recente publicado na revista Scientific Reports revela que o óleo de peixe interfere no metabolismo da gordura no organismo, transformando as células que armazenam gordura em células que queimam gordura, contribuindo assim para a perda de peso na meia-idade. A conclusão é de um estudo de cientistas da Universidade de Quioto, no Japão, liderado pelo investigador Teruo Kawada. A equipa explica que o óleo de peixe ativa recetores no trato digestivo, impulsiona o sistema nervoso simpático e induz a metabolização da gordura. Os investigadores avaliaram se existia uma relação entre o consumo de óleo de peixe e um aumento das células do tecido adiposo bege, um terceiro tipo de tecido adiposo recentemente descoberto que parece funcionar de modo semelhante ao tecido adiposo castanho, que metaboliza a gordura para manter o corpo a uma temperatura estável. Os testes envolveram um grupo de ratinhos que recebeu uma alimentação com elevado teor de gordura e outros grupos de animais que comeram o mesmo tipo de alimentação juntamente com óleo de peixe. Os resultados mostraram que o grupo de ratinhos que ingeriu óleo de peixe registou entre cinco a dez por cento menos peso e 15 a 25 por cento menos gordura,...

Continuar a ler

Fast food nem sempre é mau

Quando pensamos em cadeias de fast food, o saudável é das últimas coisas que nos passa pela cabeça. Mas isto está cada vez mais longe da verdade. Consegue-se, com consciência, ter refeições agradáveis e saudáveis neste tipo de superfícies até porque elas têm cada vez mais opções e boas do ponto de vista nutritivo. O problema é que, por um lado, as pessoas não sabem escolher o mais acertado e, por outro lado, não resistem à tentação de escolher as versões menos saudáveis. O prazer da comida fala mais alto.Ao ir ao Mc Donalds, por exemplo, em vez de pedir um menu com um Big Mac, uma cola, batatas fritas e um Sundae de chocolate como sobremesa (1351 Kcal no total e 52g de Gordura), porque não pedir uma sopa, um Cheese Burguer, uma cola zero e uvas como sobremesa (493 Kcal e 17g de gorduras)? Este último até pode petiscar umas batatinhas do acompanhante só para alimentar a gula.Se 1351 Kcal não vos diz muito, e só para terem uma ideia, com o estilo de vida actual uma mulher de estatura média deve consumir por dia aproximadamente 1800Kcal e 60g de gordura. Um homem 2000 Kcal.Para finalizar, deixo o link...

Continuar a ler

Desejo por doces? Saiba de que forma o açúcar afeta o seu cérebro

É inegável que os humanos têm uma preferência inata pelo sabor doce. Apesar de algumas pessoas preferirem os salgados, para a maioria de nós, a mera visualização de um gelado cremoso, ou o aroma de uma pastelaria com croissants acabados de fazer é suficiente para cair em tentação. Mas afinal, o que é que torna os doces tão irresistíveis? Porque gostamos tanto de doces?O paladar é mais do que uma experiência sensorial. É um sinal de valor nutricional ou de perigo que evoluiu como um mecanismo de sobrevivência. Apesar de o líquido amniótico conter glicose, frutose, aminoácidos e ácidos gordos, os recém-nascidos apresentam uma preferência marcada pelo sabor doce relativamente a outros sabores. Através de uma perspetiva evolutiva, não é difícil perceber porque é que várias espécies, como a humana, têm uma preferência pelo sabor doce. Tendo em conta que no ambiente natural da maioria das espécies as fontes alimentares ricas em açúcar não se encontram facilmente disponíveis, preferi-las pode ter conferido alguma vantagem de sobrevivência no passado. Quando ingerimos alimentos doces é enviada uma mensagem ao cérebro que ativa o sistema de recompensa cerebral. Este sistema envolve vários mensageiros químicos, incluindo a dopamina, os opióides, o GABA, entre outros, que...

Continuar a ler

Já nos segue no Instagram?

Page Title
Marque já a sua consulta gratuita

Mais de 50.000 pessoas confiam nas nossas Clínicas

  • Realização de uma Avaliação Corporal Completa;
  • Análise Perfil Clínico e Hábitos Alimentares;
  • Diagnóstico do Problema e Prescrição do tratamento;